Uma senha sera enviada para seu e-mail

Como saber se sua empresa é Sexista? Veja um exemplo escancarado…

Temos um exemplo prático de uma situação desconfortável que acontece em todos os cantos do globo, obrigações direcionadas seletivamente a um sexo e, por motivo não menos que injusto e vergonhoso. 

Um restaurante noturno canadense teve sua imagem ferida para sempre e o motivo mais que legítimo foi o seguinte: uma garçonete divulgou uma foto de seus pés dias depois de ser obrigada a usar sapato de salto que a incomodava bastante. A canadense não divulgou diretamente a imagem, quem o fez foi seu colega de trabalho que, além de divulgar a imagem, abriu o jogo em relação as práticas sexistas do estabelecimento. 

Segundo os próprios funcionários, mulheres são obrigadas a usar salto de, no mínimo, 2,5cm de altura e ainda adquirir roupa de trabalho de 30$, enquanto isso, homens só precisavam usar roupas pretas e sapatos normais, sejam lá quais fossem. 

A administração do estabelecimento foi questionada sobre o acontecido com a jovem: flagrada em foto com os pés calejados, sangrando e faltando uma unha em um dos pés, a resposta foi controversa. Alegaram que não determinavam altura mínima para calçados, sendo obrigatório apenas trajar roupas com as cores determinadas. 

Segundo a garçonete, a situação de seus pés foi devidamente informada, a resposta recebida veio em forma de ordem, “precisa usar o sapato no próximo turno”. 

Mesmo se existir uma falha de comunicação aqui, o que parece improvável, uma vez que várias testemunhas de dentro confirmaram, é inaceitável que uma empresa force alguém trabalhar com os pés doloridos quando simplesmente pode-se liberar a usar algo mais confortável. 

Fica no ar a questão do sexismo que existe em milhares de postos de trabalhos no Brasil, você acha que na sua empresa esse tipo de exigência abusiva acontece? 

Fonte – Good

[wd_hustle_cc id="amazon"]